terça-feira, maio 26, 2009

PARA QUEM VIU OU NÃO..............

Ir aos Globos de Ouro é mais ou menos a mesma coisa que ir jantar ao Eleven: vai-se uma vez e está feito. Fica assinalado no calendário, mas não deixa saudades. Ainda assim, é bem mais divertido (e barato) que desembolsar cem euros para comer um naco de carne com uma batata frita, mas isso fica para outras núpcias. O que nos traz aqui hoje são os Óscares portugueses, esse evento maravilhoso onde os vencedores são tão previsíveis que até faz sono. O que vale é que há tanta coisa gira para ver que o que menos interessa ali é o que se está a passar no palco.
Não sei do que mais gostei: se do tapete vermelho que passa mesmo em frente a uma casa de frangos (o pessoal todo alapado a comer e a ver as gajas a passar, o glamour no seu expoente máximo), se das pessoas (contratadas, quer-me parecer) que estavam coladas às grades a gritar "dona Fátima, dê-me um autógrafo". E depois a fila. Há fila para entrar nos Globos de Ouro. Mais ou menos como se fossemos apanhar o 58 para a Damaia, só que mais bem vestidos. De resto era igual (só que sem o senhor presidente da câmara, que duvido que ande de autocarro). Um pára-arranca insuportável e muito pouco amigo de vestidos demasiado compridos (pisaram-me umas 700 vezes, estava quase a rodar a baiana). Quanto à gala propriamente dita, passou-se. Foi morninha. A Babá Guimarães a fingir que tinha menos 15 anos do que realmente tem (muito abanou aquele rabo, valha-me Deus). O Jorge Palma a tentar ser engraçado sem o Herman José, mas a parecer simplesmente com os copos. O discurso giganteeeeeeeesco do senhor Manoel de Oliveira, bem ao estilo dos seus filmes. A senhora dona Eunice Muñoz a ler o teleponto a dois à hora. Enfim, tudo muito maçadorzinho. Os textos pirosões que prepararam para introduzir os nomeados (do género "Portugal já não passa sem o teu talento" ou "precisamos de mais pessoas como tu"... boriiiiing).

Assim sendo, passemos aos vestidos porque, isso sim, merece ser tema de falatório. Em primeiro lugar, sugiro que mudem o nome do evento de Globos de Ouro para Mamas de Ouro. É que, a avaliar por este ano, notou-se um claro esforço no sentido de ver quem conseguia mostrar mais as mamas. Ou, pelo menos, de as juntar mais e de as pôr mais junto ao queixo.

Look "lá em casa não há um que brilhe mais do que o outro" Credo.


Looks "é oficial, fui possuído pelo demónio e passei-me da cabeça"

Muito haveria a dizer sobre o Abel Xavier, mas não temos tempo. O vestido da Barbie que o acompanhava era muito giro, embora não pareça.


José Castelo Branco e Lady Bete em versão alface mumificada. Distintos, como sempre.


Olha, um pequeno pónei. Ai, não, é a Lili Caneças.


Esta senhora morreu e ninguém lhe disse nada. Só isso pode justificar aquela cor. Bem, também pode ser má maquilhagem. Tudo mau. O chapéu, as luvas... parece vinda do circo.


Vestido "sou irmã do Ronaldo por isso visto o que quiser e poso de perna aberta, a ver se eu me ralo. E também não fui ao cabeleireiro"


Vestidos "não encontrei um padrãozinho pior no armário"


Aquele resto de papel de parede sempre serviu para alguma coisa, hã? Rita Ribeiro


Vamos esforçar-nos mais para o ano, vamos? Não sei quem é esta senhora, só sei que parece um gigantesco repolho azul.


"Querido, mudei a casa e vim vestida de zebra"


Catarina Wallenstein... de facto, trabalhar com o Manoel de Oliveira envelhece uma pessoa...


Look "abusei da maquilhagem e ninguém teve a decência de me avisar, por isso pareço um índio"

Estas duas queridas, Rita Ferro Rodrigues e Iva Pamela (por mais que ela teime em chamar-se Domingues, para mim será sempre Pamela), foram ao mesmo maquilhador, está bom de ver. Problema: o senhor esqueceu-se de lhes retirar o excesso de pó debaixo dos olhos. Só isso pode explicar que estejam assim tão brancas. A Iva também vai um bocado arejada demais, não?



Vestido "as minhas mamas são inseparáveis"

Se não é a grande querida da Mónica Sintra num vestidinho de bradar aos céus. Não tão mau como o cabelo, ainda assim.

Dei por mim a pensar que não há uma menina do Fama Show que não se tenha rendido aos milagres do silicone. Fazem bem, minhas queridas, que isto a vida são dois dias. Mas dêem-lhes algum descanso, párem de as puxar e repuxar, que isso qualquer dia dá o berro.
O vestido da Rita Andrade escapa, os brincos não têm nada a ver. E as mamas... eh pá, não.


Carla (ex) Pinto. Torna-se desagradável quando a filha vai mais compostinha que a mãe (ainda que ambas estejam a roçar o pirosinho)


Babá Guimarães. Eu não disse? Mamas quase, quase a tocar no queixo? Fatinho muito sinistro. Parece que misturou as calças da aeróbica com um daqueles corpetes que a Madonna usava quando ainda não era mãe de filhos e gritava aos sete ventos para que a possuíssem. Ao mesmo tempo, também tem ali qualquer coisinha de ABBA.


Vestido "estou tão confusa, mostro as mamas ou mostro as pernas? Que se lixe, mostro as duas coisas!"

Liliana. Ela é bonita, e o vestido também... talvez se fechassem ali um bocadinho o decote... e a racha... enfim


Carla Matadinho Eeeeeeer... pois... é capaz de ser too much, não? Mas guarde-o, querida, vai ficar lindamente na Grande Gala das Coelhinhas da Playboy


Vestido "ai isto já não é para a Playboy?"

A sério, Mónica Sofia, o que é que lhe passou pela cabeça? O olhar ligeiramente estrábico é de tanto olhar para as mamas, presumo. Péssima, péssima, péssima. Se inspirasse mais profundamente era ver mama daquela a explodir por tudo quanto era lado. Já pousou para a Playboy, pronto, já está. Já pode voltar a tapar-se.


Não lhe diz nada??Claudia Jacques, o par de mamas número 2. Perdão, a segunda capa da Playboy. Porque é que a senhora tem uma mama a apontar para Espanha e outra para o oceano Atlântico?


Vestidos "e o desfile de mamas continua"

Elsa Raposo. Uma pena que não dê para apreciar o penteado atrás. Parecia que lhe tinham enfiado lá galinhas.


Marta Aragão Pinto. Concentrou tanto vestido nas mamas que acabou por ficar curto nos pés. O que se torna chato num vestido comprido.


Oceana Basílio. Está certo que tem muita mama à mostra, mas este vestido do Miguel Vieira era lindo, lindo, um dos meus preferidos, e assentava-lhe muito bem. Já não acho tanta graça é à bolsinha para guardar moedas de colecção.



Vanessa Oliveira. Tenho mixed feelings sobre este vestido. Acho que gosto, mas o facto de haver ali uma mama suportada apenas pela lei da gravidade faz-me uma certa espécie.


Ah, a nossa Floribella. Nem sei por onde começar. Pelas mamas? Pelas argolas? Pelo vestido padrão camuflado? Pelas botas do amigo? Decidam vocês, não sou capaz.


segunda-feira, maio 25, 2009

sábado, maio 23, 2009

Secret Cave Rave - Somewhere @ Ibiza

Bem... diz-se que acabaram os afters em Ibiza, porque as discotecas fecham ás 6:00h, no entanto... The party must go on...


sexta-feira, maio 22, 2009

Danny Dark DJ Set Maio 2009

http://www.zshare.net/download/60374427b01516f8/


Tracklist:

. Tocadisco - Time after time
. Booka Shade - Charlote (Dubfire Remix)
. Glocal - Rarefeito
. Sara Galli, Gianluca Luisi, Alex Kenji - Do what you like (F. Milani Remix)
. Saeed Younan - To the beat
. Sacha Link - Donkey
. Milton Channels - You Lose (Hugo Rizzo Remix)
. C. Smith & J. Selway - Push Factor (Oxia Remix)
. Red Moon - Make a move
. DJ Vibe & Chus - Amtrak
. Scan X - Midnight (Laurent Garnier Edit)
. Boogie Pimps - Somebody to love (Salt Shaker Remix)

Dance Stage

Back to old school...

Danny Tenaglia - Elements


Relembrar é viver...

Que musica estava no Top quando nasceste??

Entra no link abaixo:


http://www.planetarei.com.br/100anos/index.htm

segunda-feira, maio 11, 2009

Grandes Malucos!!!

Tetracampeões



















Alleeeez Porto Alleeeeeeeeeeez

Sensation White Review

Ainda a recuperar de uma das melhores festas que já presenciei, vou deixar aqui a minha analise do que foi a 1ª Sensation em Portugal. Para começar, muito se falou acerca de um evento como este, por ser no nosso país, não ter o mesmo interesse, aliás, eu próprio referi que provavelmente não atingiria a magnitude que tem noutros países, mas isto não está totalmente certo, até porque a organização fica ao cargo da mesma empresa que todos os outros, a unica objecção que se poderia ter seria relativamente ao ambiente, que foi 100% festa numa espécie de carnaval de branco. O que quero dizer com isto, é que nem houve a hipotese de pensar tipo, "ei... se fosse em Amsterdão era muito melhor". Já que muito mal se fala do nosso país, pelo menos há que dar valor ao que se faz de bem.
No geral, foi um espectaculo assombroso e só a abertura deu para arrepiar. Mas como nem tudo são rosas, e para não me alongar muito mais, vou referenciar apenas os aspectos negativos, entre os quais, o mar de gente com que deparavamos quando queriamos beber, desanimava e desperava qualquer um, mas voltando para a festa tudo se resolvia. E depois houve o facto de acabar o whisky pelas 4 da manhã... numa festa destas é no minimo estranho, se calhar se fosse lá fora não acontecia... He he! Mas tirando isto, foi 5 estrelas e quero acrescentar que sendo a musica um elemento importante, rapidamente passa para 2º plano ( principalmente quando aparecem as bailarinas), era curioso ver como a atenção da populaçao facilmente se desviava do DJ... Aliás acho que os próprios perdiam alguma concentração!! E para terminar, relativamente aos DJ´s:

Erick E
-Não o conhecia, mas gostei de ficar a conhecer... uma surpresa agradavel, com muita energia, e uma empatia com o público fora de série. Excelente escolha para a abertura.

Diego Miranda
-Gostos são gostos, e nem vou comentar muito esta prestação, até porque os 1ºs comentários acerca da Sensation que por aí andam referem-se precisamente a esta actuação. E mesmo quem o defende, não se mostrou muito agradado... Com o devido respeito, acho que não preciso de dizer mais nada.

Mastiksoul
-Outra excelente surpresa, teve altos e baixos, como é normal em tudo, mas a nivel geral dou-lhe nota positiva.

Sebastian Ingrosso
-Se não me engano foi o DJ com mais tempo de antena, e não desiludiu, um pouco comercial dizem alguns ( mas esta festa também não é underground!! ), resumindo, soube animar o pavilhão, até porque sendo o DJ que se seguiu ao Megamix, tinha a responsabilidade de aumentar a fasquia, e conseguiu-o com nivel.

Felix Da Housecat
-Aqui está o DJ que mais esperava ver, no entanto, a partir de agora vou começar a chama-lo de Papa-Miolos. Técnica e habilidade não lhe falta, mas apresentou um set do mais marado que já ouvi... Imaginem, sei lá, tipo Jeff Mills, cheio de truques, mas com base no electro!!!

Tocadisco ( ou Toucadiscou, conforme foi anunciado )
-Na minha humilde opinião, o melhor da noite, nota máxima. O gajo entrou a logo abrir e mesmo com a população morta de cansaço e atrofiada da mente por causa do Sr. Felix, conseguiu por tudo a saltar e levou aquilo ao rubro. Uma interacção com o publico fantástica, do melhor que vi, sempre a puxar pelo povo e sem deixar a pista adormecer.


Em conclusão, valeu cada cêntimo gasto, (incluindo aqueles a mais que se gastou no Alfa, para não ficar 2h e 30m à espera do intercidades), e se a Sensation cá voltar, só não vou se não puder, não porque é novidade, ou porque pode ser uma oportunidade unica, mas porque já vi e adorei.

sábado, maio 09, 2009

Foto do Mês - 2ª edição playboy PT

Cláudia Jacques é a escolhida para a capa da revista Playboy portuguesa de maio.
Ex-modelo, antiga empresária, organizadora de eventos e actual relações públicas do restaurante «Papa-Razzi», Cláudia Jacques foi a escolhida para a capa da segunda edição da Playboy portuguesa.
Aos 44 anos, Cláudia aceitou o desafio da revista e despiu-se literalmente de preconceitos.



quinta-feira, maio 07, 2009

Dance Stage

Mais uma para o cesto das compras...