sexta-feira, junho 29, 2007

Promete...


Tenham medo, muitoooooooo medo...



This is really a Thriller.. Run for your lifeeeeeee!!
LOOOOOOOOOOOOOOOOOOL
/me vai a rebolar ate ao Tamisa

Novos Curriculos...

Achas que não arranjas emprego porque o teu currículo é muito fraquinho?

É muito simples basta fazer um "upgrade" no nome de tua profissão!

Eis algumas dicas para dares um "plus" no teu currículo:

- Especialista de Fluxos de distribuição (paquete) .

- Supervisora Geral de Bem-Estar, Higiene e Saúde (mulher da limpeza).

- Coordenador de Fluxos de Entrada e Saída (porteiro).

- Coordenador de Movimentação e Vigilância Nocturna (segurança).

- Distribuidor de Recursos Humanos (motorista de autocarro).

- Especialista em Logística de Combustíveis (empregado da bomba de gasolina).

- Assessor de Engenharia Civil (trolha).

- Consultor Especialista em Logística de Alimentos (empregado de mesa).

- Técnico de Limpeza e Saneamento de Vias Publicas (varredor).

- Técnica Conselheira de Assuntos Gerais (cartomante).

- Técnica Especialista em Terapia Masculina (cabra).

- Técnica Especialista em Terapia Masculina Sénior (cabra de luxo).

- Especialista em Logística de Produtos Químicos e Farmacêuticos (passador de droga).

- Técnico de Marketing Direccionado (vigarista).

- Coordenador de Fluxo de Artigos (receptador de artigos roubados).

- Técnico Superior de Distribuição de Artigos Pessoais (carteirista).

- Técnico de Redistribuição de Rendimentos (ladrão).

- Técnico Superior Especialista de Assuntos Específicos Não Especializados (político)

Nota: Com os políticos esta técnica nunca falha. Conhecem algum que esteja desempregado ?

quarta-feira, junho 27, 2007

Antes dos Gatos nascerem...

Vai tudo Abaixo!

Estes tipos são loucos

Se eu inda ca tiver...

Andreia..prepara-te para..assim na loucura...beberes....4 SHOTS!!!!

terça-feira, junho 26, 2007

Á falta de melhor


segunda-feira, junho 25, 2007

A Tua Voz

somos feitos disto. de pó do caminho tatuado nos joelhos. de angústias gastas que não nos pertencem, de berros alucinados que morrem antes de nascer. de espaços vazios. somos fragmentos de ventos contrários que nunca se encontram. para sempre perdidos, para sempre encontrados. somos feitos disto. de paixões que se (des)gastam em lágrimas que não se choram. somos pedaços de corpos a caminho de pequenos nadas. somos intensos e vazios. somos concentrados mas dispersos. e, no meio de tudo, amamos. com uma irracionalidade suprema que nos devora o ser e nos alonga a sombra.

foram os 15 minutos mais longos da história do Dragão. acho que bati palmas quando entrou a equipa de andebol, vencedora da taça nessa mesma tarde. acho que olhei para o chão o resto do tempo. por natureza, sou de extremos: de mim, duvido sempre; neles, acredito até ao último segundo do último minuto da última hora da última vida. enquanto houver relva para comer. camisola para honrar. acredito sempre. acreditei contra o Paços, quando a derrota pesava num marcador que teimava em não se alterar. antes disso, acreditei contra o Chelsea. enquanto ganhávamos, enquanto empatávamos, enquanto perdíamos. muito antes disso, acreditei contra um AC Milan todo poderoso numa Liga dos Campeões que, na altura, era "outro campeonato". [lembro-me direitinho do alinhamento do resultado: 1-0 para eles, 1-1 para nós, 2-1 para eles, 2-2 para nós, e, ó milagre, Artur e Jardel lá na frente, 3-2 para nós.] podia recuar até onde me lembro de mim e dos onze rapazes de azul e branco atrás de uma bola: acreditei sempre. neles, não em mim. mas – confesso – neste domingo vacilei. foram os 15 minutos mais longos da história do Dragão. olhei para o chão e disfarcei como pude as lágrimas que não soube reter, a dor que não soube ocultar. pensei que a vida era assim: lutamos e ganhamos e permanecemos na frente. marcamos um golo e julgamos que a história acaba ali, que o coração pode explodir de uma só vez e os destroços são mesmo parte da festa. e depois vem algo que nos empata a alma. éramos o que tínhamos de ser e de repente já não o somos. éramos tudo e de repente acordamos no sonho errado. e sofre-se, aperta-se as lágrimas contra o peito porque as mãos não seguram mais nada. foram os 15 minutos mais longos da história do Dragão. mas eis que eles voltaram. e eu levantei os olhos do chão e o corpo da cadeira. e bati as palmas todas, desde o início da época até àquele momento, bati-as todas, sofri-as todas, berrei por vocês. mesmo vencidos, ainda que saíssem vencidos, tinha valido a pena. ainda que por dentro estivesse um trapo gasto de uma esperança que eu já não reconhecia, ia-vos apoiar até ao fim. é para cair? então vamos lá: caimos juntos.

e vocês responderam. e levantaram-se. se fosse para cair, eu caía convosco. de pé. mas vocês quiseram voar. e levaram-me nos braços. e as lágrimas caíram, mas bem lá de cima. onde só quem se supera consegue chorar.

somos nós,
a Tua Força, a Tua Voz.
tu nunca estarás só,
força Porto, vence por Nós!


até ao fim. ganhar um campeonato, há mais quem o faça. mas sofrê-lo, senti-lo, chorá-lo. um estádio inteirinho a gritar por ti, Baía (o primeiro e o último de todos os campeões). um argentino a atravessar meio campo para abraçar um português. um Pepe a esquecer o sotaque para gritar bem alto "e quem bate palmas é tripeiro!". um Fucile deslumbrado com o carinho dos adeptos a disparar memórias numa câmara fotográfica. um Bosingwa eufórico, a dançar ainda o apito final não tinha acalmado a dor pouco antes tão sentida. um Adriano a mostrar que ficou por nós, para nós. um Lisandro imparável, um Lucho a jogar como há muito não o via. um Bruno Alves, a calar os descrentes com um crescimento inimaginável. um Meireles que demorou a chegar ao varandim – era a barba, a promessa que foi desfazer. um Hélton, companheiro e lutador. um Anderson, a magia na cara de uma criança. um Quaresma, sempre tão capaz do melhor e do pior, sempre tão genial. e um Jesualdo a sorrir. um Jesualdo, finalmente, a sorrir. de ti, que toda a gente duvidou. para ti, este título numa bandeja de espanto! tu, que recebeste uma equipa fragmentada, violentada por um treinador que quis impôr as suas vontades à força de pressões psicológicas e chantagem infantil. eu gostava dele. mas não lhe perdôo ter criado o turbilhão e abandonado o barco para morrer na praia. tal como menino mimado, aterrorizado com a hipótese de falhar. tu, Jesualdo, que pegaste numa equipa que não construíste, assustada e com vícios de forma, e a fizeste Campeã. tu, que nunca tinhas jogado "neste campeonato", e soubeste ser grande. tu que trouxeste para o Porto uma política de sobriedade e sensatez. se jogas de uma forma mais tradicional do que aquela que eu gostaria? sem qualquer dúvida. se cometeste erros? uma porrada deles. mas soubeste erguer a cabeça. e aprendeste (aprendeste tanto desde o início da época até agora...). aguentaste quem te queria roubar o espaço e o mérito e foste de uma dignidade espantosa. se mais ninguém o diz, digo-to eu, arrancado cá das entranhas da alma que te aplaudiram sempre de pé: mereceste este campeonato inteirinho. e quero que fiques para o ano, quero ser Campeã contigo outra vez. e quero a Europa. sim, não tenho medo de o dizer: quero a Europa. e sei que tu consegues. sei que sim.

somos feitos disto. foram os 15 minutos mais longos da história do Dragão. fosse como fosse, doesse onde doesse, eu sairia daquele estádio de cabeça erguida. e orgulhosa.

mas obrigada, rapazes. por calarem outras dores e me encherem a face de lágrimas. outras, que não as que isolo do resto do mundo. obrigada. do fundo da minha alma, ainda vos grito: OBRIGADA!

tripeiro eu SOU!

e tenho o Porto no meu Coração,
serás sempre a minha paixão,
eu dou a vida para seres Campeão.

a mim não me interessa onde vás jogar,
seja onde for sabes que eu vou lá estar,
nem a morte nos vai separar,
até no céu por ti eu vou cantar!

se dar a vida é exagero? não sei porquê... penso na quantidade de coisas pelas quais entrego a vida, dia após dia, nesta dança desigual que nem sempre sei dançar. no pouco da minha vida – no nada, às vezes – que ainda me pertence. mas no meio de tudo, amamos. no meio de todas as entregas em que gasto a minha vida, a tua nem será a mais irracional.

[e obrigada a ti. por estares lá, sempre ao meu lado. por protestares comigo, por ficares calado comigo, por festejares comigo. por me dares alento, ainda que em silêncio. por não te importares que eu te entorte os óculos num abraço incontido – erámos Campeões. seja onde for, sabes que nós vamos lá estar. até ao fim. enquanto houver relva para comer. camisola para honrar. eu e tu, sempre.]

A Arte de Desenhar...

Clica, e vê a arte de desenhar uma mulher de dentro para fora.
Feito por um artista russo .Vale a pena!!!
Espectacular

Dicionário Especial para Loiras...

Testículo...............Texto pequeno.
Abismado............. Pessoa que caiu de um abismo
Pressupor............ Pôr preço em alguma coisa.
Biscoito................ Fazer sexo duas vezes.
Missão................. Culto religioso com mais de três horas de duração.
Padrão................. Padre muito alto.
Estouro................ Boi que sofreu operação de mudança de sexo.
Democracia......... Sistema de governo do inferno.
Barracão............. Proíbe a entrada de caninos.
Homossexual..... Sabão em pó para lavar as partes íntimas.
Ministério.......... Aparelho de som de dimensões muito reduzidas.
Edifício............... Antónimo de "é fácil ".
Detergente........ Acto de prender seres humanos.
Armarinho..........Vento proveniente do mar.
Eficiência............ Estudo das propriedades da letra F.
Conversão.......... Conversa prolongada.
Barganhar.......... Receber um bar de herança.
Fluxograma....... Direcção em que cresce o capim.
Halogéneo.......... Forma de cumprimentar pessoas muito inteligentes.
Unção................. Erro de concordância verbal. O certo seria "um é".
Expedidor.......... Mendigo que mudou de classe social.
Luz solar............ Sapato que emite luz por baixo.
Cleptomaníaco.. Mania por Eric Clapton.
Tripulante......... Especialista em salto triplo.
Contribuir.......... Ir para algum sítio com vários índios.
Aspirado............. Carta de baralho completamente maluca.
Coitado............... Pessoa vítima de coito.
Regime Militar.. Rotina de dieta e exercícios feitos pelo exército.
Bimestre............ Mestre em duas artes marciais.
Caçador.............. Indivíduo que procura sentir dor.
Suburbano......... Habitante dos túneis do metro.
Volátil................. Avisares o tio que vais lá.
Assaltante.......... Um "A" que salta.
Determine.......... Prender a namorada de Mickey Mouse.
Pornográfico...... O mesmo que colocar no desenho.
Coordenada........ Que não tem cor.
Presidiário.......... Aquele que é preso diariamente.
Ratificar.............. Tornar-se um rato.
Violentamente... Viu com lentidão.
Diabetes............. As dançarinas do diabo

Ele está de regresso...

Concerto do Dia

Será desta a ultima vez que cá vêm???

quinta-feira, junho 21, 2007

Nem nas Marchas se Safam!

CLASSIFICAÇÃO DAS MARCHAS POPULARES EM LISBOA:

1º Alfama
2º Marvila
3º Campolide
4º Castelo e Mouraria
5º Alcântara
6º Lumiar
7º Bica
8º São Vicente
9º Madragoa
10º Olivais, Bairro Alto
11º Alto do Pina
12º Graça
13º Carnide
14º Bela Flor
15º Santa Engrácia
16º Beato
17º Ajuda
18º Benfica

A.P.S.N.A.I.


terça-feira, junho 19, 2007

Xiribiri

Alguém sabe o que é um XIRIBIRI?

José já namorava há

5 anos com a Maria,

uma morena de

corpo escultural,

rabinho perfeito,

peito delicioso e,

olhando para ela,

tinha simplesmente

as medidas perfeitas

de uma deusa grega.

Só tinha um problema.

Até hoje, Maria

pura e simplesmente

não dava baldas,

a não ser uns apalpões.

Um dia,

estavam os dois

na boa no sofá,

mexendo ali e

mexendo aqui...

quando José

começa a tirar

a blusa à Maria.

Tira também

a saia da sua

amada...mas

quando começava a achar que

finalmente iria

'acontecer' ,

Maria avisou logo:

- José, eu sou

uma mulher de família,

só vou 'coisar'

contigo depois de

casarmos.

Depois, eu até

faço XIRIBIRI contigo.

José, sem entender

o que era XIRIBIRI,

levantou-se, saiu e foi

então para casa

da Joana, uma loirinha linda

que era um caso

antigo dele e que

era daquelas

altamente liberais.

Ao chegar, José não

pensou duas

vezes e foi

logo para cima dela.

Depois de várias posições

e jeitos ele não pensou

duas vezes e pediu:

- Joana, não achas

que já estamos

sem muitas ideias para

as nossas quecas ???

- Também acho, Morzinho.

- Então, não poderiamos fazer

um XIRIBIRI?.

Joana ficou branca

e gritou logo:

- QUEM PENSAS TU

QUE EU SOU ????

POSSO SER TUA

AMANTE, FAZER

TODO O TIPO DE

COISAS, MAS

ACHAS QUE EU SOU

DESSAS QUE

FAZEM XIRIBIRI?!?!?!?!

Pôs o José

imediatamente porta fora,

que saiu atrapalhado,

corado com a vergonha.

A solução seria ir a

uma casa de prostitutas

De noite, ao chegar lá,

viu umas e outras e

estando preparado

para gastar uns cobres

foi logo ter com a menina

mais linda, uma loirinha de

parar o trânsito.

Ao chegar ao quarto

não deu hipótese,

foi directo ao assunto:

- Então, fazes

realmente tudo????

- Claro, estou aqui

para te dar prazer,

fofinho!!!!

- Qualquer coisa mesmo??

- Já disse que faço

de tudo para

ganhar dinheiro.

- Então vá, que tal

começarmos por

um XIRIBIRI?

Sem pensar, a ela alça

da mão e prega-lhe um estaladão

na cara e grita:

- SEU DESAVERGONHADO,

SOU PROSTITUTA MAS

NÃO SOU QUALQUER UMA.

QUEM PENSAS

TU QUE EU SOU...

Ela continuava o seu discurso,

enquanto fora do quarto toda a gente

ouvia os berros.

Sem perceber o que se passava,

o chulo invade o quarto e pergunta:

- O que é que está

a acontecer aqui ??

- Amigo, eu perguntei

se ela fazia tudo respondeu (José).

- Aqui todas fazem de tudo.

- Mas quando lhe pedi para ela fazer

XIRIBIRI

ela enlouqueceu

Sem deixar o José

acabar de falar,

o chulo saca

dum revólver

e berra:

- ISTO AQUI

É UMA CASA

DE MENINAS

MAS AS

MINHAS MENINAS

NÃO SÃO

DESSE TIPO,

SAIA JÁ DAQUI,

SEU Filho Da Puta

SENÃO FURO-TE O

CORPO TODO!!!

Então, José

foi logo para

casa da Maria

e ao chegar disse:

- Maria, casa

comigo agora, já, por favor.

José não aguentava

mais ficar sem saber o

que era XIRIBIRI.

Dois dias depois

eles casaram,

Foram de lua de mel,

mas no caminho

tiveram um

acidente e Maria morre.

José, então,

chora de raiva

pois agora nunca saberia

o que era

XIRIBIRI.

Se ele não soube,

eu também não sei!

segunda-feira, junho 18, 2007

Chuvinhaaaa

como anda por aí muita chuvinha a bater nas monas, nada melhor do que andar com o guarda-chuva ou em inglês umbrella

O Verão

e a estação do ano de que mais gostamos, que nunca mais chega para as
meninas andarem por aí a mostrar o umbigo...

e que umbigos...

Aos Estudantes

Para todos aqueles que nesta altura andam a matar a cabecinha e a queimar pestanhas!

O Corpo Humano

Fotos da exposição Sobre o Corpo Humano!


Espectacular

O aparelho digestivo

um tipo pensativo


os "nossos" interiores



a pele


se não os usarem muito, ficam assim...
E foi preciso vir esta exposição a Portugal para se descobrir o que se fazem com os chineses que morrem...

sábado, junho 16, 2007

sexta-feira, junho 15, 2007

Are you Sure??

Hoje apeteceu-me ouvir isto...

O video está fraquinho, mas a música é exclente


Em alternativa


Nao sei se o moço e bom ou nao..mas era mais um a juntar a lista..

quinta-feira, junho 14, 2007

quarta-feira, junho 13, 2007

Ao Melhor dos Melhores

Ao melhor Guarda-Redes Português de todos os tempos, e não só...



O nosso Tributo...








Vítor Manuel Martins Baía (São Pedro da Afurada, 15 de Outubro de 1969) é um futebolista português que joga na posição de guarda-redes.

Nascido no concelho de Vila Nova de Gaia, Baía começou a jogar futebol no Académico de Leça. Aos treze anos mudou-se para o FC Porto, onde passou a maior parte da sua carreira. Aos dezanove anos foi pela primeira vez chamado à equipa principal por Artur Jorge (treinador português que conquistou a Taça dos Campeões Europeus de Clubes em 1987, com o FC Porto) num jogo contra o Vitória de Guimarães em Setembro de 1989 e não mais perdeu o lugar.

Chegou à baliza da selecção portuguesa com 21 anos. Estreou-se no dia 19 de Dezembro de 1990, num jogo frente aos Estados Unidos, iniciando aí uma década em que a camisola nº1 de Portugal lhe pertenceu quase em exclusivo.

Ao serviço do clube portuense ganhou cinco campeonatos nacionais e duas taças de Portugal, sofrendo 116 golos em sete épocas (uma média de apenas 16,5 golos sofridos por ano).Esteve presente com a selecção portuguesa no campeonato europeu de 1996, em Inglaterra, após o qual se transferiu para o FC Barcelona, de Espanha, transformando-se no mais caro guarda-redes do mundo.

Depois de uma boa primeira época ao serviço do clube espanhol, Vítor Baía sofreu uma lesão, em Agosto de 1997, e o técnico holandês Louis Van Gaal retirou-o da primeira equipa, preferindo o seu compatriota Ruud Hesp. Em Janeiro de 1999, após vários meses sem jogar no Barcelona, Baía, ainda como jogador do Barcelona, regressou ao FC Porto para relançar a sua carreira.

Em 2000 integrou a equipa da seleccção nacional para o Campeonato Europeu de Futebol onde esteve em bom plano ao defender uma grande penalidade nos quartos-de-final de Arif da selecção da Turquia, mas não tendo hipóteses na grande penalidade apontada por Zinedine Zidane que iria eliminar Portugal nas meias-finais.

No ano seguinte, uma lesão no joelho afastou-o dos relvados durante praticamente uma época, o que levou a que muitas pessoas pensassem que iria acabar a carreira.

Contudo, Baía voltou ao seu melhor, recuperando a tempo de representar Portugal no Copa do Mundo de 2002, na Coreia do Sul e Japão. Nessa competição, Baía foi titular, quando se esperava que fosse Ricardo guardião do Boavista a defender as redes da selecção, pois este tinha sido titular nos últimos cinco jogos da fase de apuramento (nos primeiros cinco o titular havia sido Quim).

Quando Luiz Felipe Scolari foi nomeado selecionador nacional, Baía nunca mais defendeu as cores de Portugal. Todavia, ao serviço do FC Porto, manteve sempre a titularidade, excepto num pequeno período em que se desentendeu com José Mourinho.

Em 2003, Vítor Baía foi o guarda-redes titular do FC Porto na final da Taça UEFA, em Sevilha (Espanha), que a equipa portuguesa venceu por 3-2, após prolongamento ao Celtic de Glasgow e no ano seguinte foi também titular na final da Liga dos Campeões, em Gelsenkirchen (Alemanha), em que o FC Porto ganhou 3-0 ao AS Monaco, tendo mesmo sido considerado o melhor guarda-redes europeu de 2004, pela UEFA.

Viria a perder a titularidade no final de 2005, quando o treinador holandês Co Adriaanse considerou que Helton seria melhor opção. Hoje, aos 37 anos, é o guarda-redes suplente do FC Porto e um dos jogadores mais influentes no balneário portista.

Vítor Baía é o jogador de futebol com mais titulos a nível mundial, já conquistou 32. Pelé e Rijkaard contam com 25 cada um.

Curiosidades


É o detentor do 5º melhor registo de imbatibilidade de sempre da Federação Internacional de História e Estatística do Futebol.
Foi o 1º jogador português a atingir as 75 internacionalizações (16 de Agosto de 2000).
Em 2004, obtém o Record de 1192 minutos sem sofrer golos no Campeonato Nacional.
Conquistou 10 campeonatos nacionais de séniores.
É-lhe atribuída a designação de futebolista com mais títulos, na história do futebol mundial, alcançados na sua (longa) carreira: 32. Pelé e Riijkard são os que se seguem com 25 títulos.
Na cápsula do tempo enterrada pela UEFA aquando do seu jubileu de ouro em 2004, foi colocado um par de luvas de Vítor Baía. [1]
Tem uma fundação em seu nome: a Fundação Vítor Baía 99. 99 é o número que ostenta nas costas desde que voltou ao FC Porto.
Em 11 de Novembro de 2005 lançou a sua autobiografia




Dados da Carreira

1988 - 1997 - FC Porto
1997 - 1999 - FC Barcelona
1999 - presente - FC Porto
Estreia no Campeonato Nacional
11/09/89: V.Guimarães 1 - 1 FC Porto
Estreia nas Competições Europeias
13/09/89: FC Porto 2 - 0 Flacari Moreini
Estreia na Selecção Nacional
19/12/90: Portugal 1 - 0 EUA


Totais no FC Porto

Títulos: 25
Épocas: 16
Jogos: 534



Totais de Carreira

Títulos: 32
Épocas: 18
Jogos: 800


Prémios de Carreira

1988/89 - Troféu "Foot-Reuch": Melhor Guarda-Redes do Campeonato Nacional
1989 - Troféu Jornal "Record": Revelação do Ano
1989 - Dragão de Ouro: Futebolista do Ano
1989 - Futebolista do Ano da CNID
1989/90 - Melhor Jogador Hummel
1989/90 - Prémio Regularidade do Jornal "A Bola"
1990 - Prémio Trevo de Ouro: Adidas
1990 - Melhor Jogador do Torneio Phillips Cup
1990/91 - Troféu "Foot-Reuch": Melhor Guarda-Redes do Campeonato Nacional
1991 - Futebolista do Ano da CNID
1991 - Prémio Gandula para Melhor Guarda-Redes
1991/92 - Troféu Jornal "Público": Melhor Guarda-Redes do Ano
1991/92 - Troféu Jornal "Público": Melhor Jogador do Ano
1992 - Prémio Gandula para Melhor Guarda-Redes
1992 - Troféu Jornal "Record" - Melhor Guarda-Redes do Ano
1992/93 - Troféu jornal "Público": Melhor Guarda-Redes do Ano
1993 - Melhor Futebolista do Torneio Centenário do FC Porto
1993 - Prémio Gandula para Melhor Guarda-Redes
1993 - Prémio Jornal "Público": Melhor Guarda-Redes do Campeonato Nacional
1993 - 2ºMelhor Guarda-Redes do Mundo: Jornal L´Equipe
1993/94 - Troféu Jornal "Público": Melhor Guarda-Redes do Ano
1994/95 - Guarda-Redes mais valioso do Campeonato Nacional
1994/95 - Guarda-Redes do Ano da "European Sports Magazine"
1996 - Fase Final do EURO 96
1996 - Troféu Jornal "Record": Melhor Jogador do Ano
1996/97 - Troféu Jornal "A Marca": Melhor Guarda-Redes do Ano
2000 - Fase Final do Euro 2000
2002 - Fase Final do Campeonato do Mundo 2002
2002 - Figura Nacional do Ano na III Gala Nacional do Desporto
2003 - Prémio Carreira na Gala de Desporto em Gaia
2004 - Prémio UEFA "Best Goalkeeper 2003/04": Melhor Guarda-Redes da Europa
2004 - Medalha de Mérito Desportivo
2004/05 - Melhor Guarda-Redes do Campeonato Nacional
2004/05 - Troféu Jornal "Público": Melhor Guarda-Redes do Ano
2004/05 - Troféu Carreira da Superliga / Jornal Notícias



Palmarés

10 Campeonatos Nacionais (Portugal): época 89/90, 91/92, 92/93, 94/95, 95/96, 98/99, 02/03, 03/04, 05/06 e 06/07
5 Taças de Portugal (Portugal): 90/91, 93/94, 99/2000, 02/03 e 05/06
8 Supertaças Cândido de Oliveira (Portugal): 90/91, 91/92, 93/94, 94/95, 99/00, 02/03, 03/04, 05/06
2 Taça do Rei (Espanha): 96/97 e 97/98
1 Liga (Espanha): 97/98
1 Supertaça de Espanha: 97/98
1 Taça das Taças (UEFA): 96/97
1 Supertaça Europeia (UEFA): 97/98
1 Taça UEFA (UEFA): 02/03
1 Liga dos Campeões (UEFA): 03/04
1 Taça Intercontinental (FIFA): 04/05
Vítor Baía, o mais titulado do planeta

TOTAL: 32 Títulos!


Ligações externas

Fundação Vítor Baía 99


Pinto da Costa acusado de corrupção desportiva

...mas havia dúvidas?...

O presidente do Futebol Clube do Porto, Pinto da Costa, foi hoje acusado do crime de corrupção desportiva no âmbito das investigações do processo Apito Dourado ao jogo Porto-Estrela da Amadora em 2004, conhecido como "caso da fruta".

No processo estão também acusados o administrador da SAD, Reinaldo Teles, o empresário António Araújo e os árbitros Manuel Quadrado, Jacinto Paixão e José Chilrito. A acusação aponta a "prática de actos contrários às leis do jogo, a troco de favores sexuais de prostitutas bem como de valores pecuniários".

O caso envolve, ainda, o vice-presidente da colectividade, Reinaldo Teles, e um outro árbitro, Luís Lameiras, que terá assumido que foi ele quem sugeriu que se arranjasse companhia de prostitutas - a "fruta" - para os três colegas.

O presidente do Futebol Clube do Porto encontrava-se de férias no Algarve, tendo viajado hoje para o Porto para tomar conhecimento da acusação.

terça-feira, junho 12, 2007

Horários do Corpo Humano

DESPERTAR
das 7hs às 8hs

Quem gosta de acordar tarde já começa o dia em desvantagem.
À partir das 6h, o corpo produz uma hormona que faz acordar, o cortisol.
Entre 7h e 8h, a taxa de cortisol no corpo atinge a concentração máxima.
Essa faixa de horário é ideal para acordar com facilidade e com o pé direito.

ATENÇÃO: Voltar a dormir é um erro; por volta das 9h o corpo começa a produzir endorfinas (analgésicos naturais) que encorajam um sono pesado do qual será difícil sair sem dor de cabeça ou mau-humor.



PRAZER
das 9hs às 10hs

A hora certa para as folias amorosas, já que a taxa de serotonina (neuro-transmissor ligado ao prazer) está em seu apogeu. O prazer experimentado só será aumentado.
Por outro lado, também é a hora de marcar uma consulta ao dentista: as endorfinas, que também estão em alta nesse horário, funcionam como anestésicos naturais.



TRABALHO
das 10hs às 12hs

O estado de vigilância atinge o seu pico e a memória de curto prazo (que guarda coisas como um número de telefone que olha na lista, é retido por alguns segundos e esquecido na sequência) está mais activa.
Depois que as endorfinas presentes entre 9hs e 10hs desaparecem, o organismo atinge a sua velocidade ideal. É o momento certo para reflectir, discutir ideias e encontrar inspiração.



DESCANSO
das 13hs às 14 hs

A moleza que dá depois do almoço não se deve unicamente á digestão, mas também a uma queda de adrenalina que acelera o ritmo cardíaco.
Para retomar a disposição, basta uma sesta de 20 minutos.



MOVIMENTO
das 15hs às 16hs

A forma física encontra o seu apogeu no meio da tarde, ao mesmo tempo em que a capacidade intelectual diminui. Como não há produção de hormonas específicos nesse horário, os cronobiologistas ainda não encontraram uma explicação para o fato.



RUSH
das 18hs às 19hs

À partir das 18h, o organismo fica particularmente vulnerável à poluição e ao monóxido de carbono. Convém então limitar o consumo de cigarros e evitar se possível, os engarrafamentos. Também é nesse horário que a actividade intelectual e o estado de vigilância atingem um novo pico - hora certa de mandar as crianças fazerem os trabalhos de casa, por exemplo.



PILEQUE
das 20hs às 21hs

Se esse horário costuma coincidir com o aperitivo de antes do jantar é bom saber que é também o momento em que as enzimas do fígado estão menos activas, o que faz com que se fique bêbado bem mais rápido.



SONO
à partir das 20hs...

A melatonina (hormona do sono) invade progressivamente o corpo a partir das 18h. Mas é as 20hs que aparece o primeiro momento ideal para dormir, sucedido por outros iguais a cada duas horas. Para ajudar a cair no sono, fazer amor é uma excelente ideia: o prazer sexual desencadeia a secreção de endorfinas no cérebro, favorecendo o adormecimento.



REGENERAÇÃO
das 21hs à 1hs

Esta fase do sono é muito importante porque coincide com o pico da produção da hormona do crescimento, indispensável para a renovação das células e a recuperação física. Essa hormona permite que os conhecimentos adquiridos na véspera sejam armazenados no cérebro.

segunda-feira, junho 11, 2007

Espera-se que amanha seja dia de lazer


Bem, se amanha nao for trabalhar, vai ser dia de visitar o Big Ben, entre outros sitios.
Depois tiro pics e coloco aqui.
Beijoca

Lembram-se??

estava eu a chegar a casa quando começou a dar esta musica na radio... já tem uns aninhos mas ainda se ouve...

sexta-feira, junho 08, 2007

Noite de sossego

Para uma noite descansada a preparar o cansativo dia de amanha...

Cuidado Sempre

Após um bom jantar e bem regado com muralhas, seguido de uns shots de limoncello e para terminar a noite a beber sangria sem nunca se ver o fundo do copo devido a ajudas de terceiros que têm medo que a malta morra de sede, nada melhor do que escolher o atalho certo!
Rceita para o atalho certo: Muralhas, Limoncello, Sangria e principalmente escolher verdadeiramente o Atalho Certo!

Uns trazem 700..outros..conseguem contalos??

quinta-feira, junho 07, 2007

Solidariedade

Porque sabemos o quanto custa conduzir sob o efeito do alcool e suas consequências, aqui o nosso abraço para uma jovem que neste momento atravessa uma fase dificil tendo até sido condenada a cumprir uma pena de trinta e tal dias na prisão, tadinha! Aqui mais uma vez o nosso abraço solidário!!

Musiquinha para os nossos Emigras!



and it's no sacrifice
just a simple word
it's two hearts living
in two seperate worlds
and it's no sacrifice
no sacrifice
no sacrifice at all

segunda-feira, junho 04, 2007

Foto do Mês

e ao fim de 1 ano de existência continuamos de pé, daí a foto do mês ser referente à primeira reportagem fotografica por nós efectuada... e a ouvir quem? quem?

Que circulo será este??


Para que será este circulo?
- será que é a hora da refeição?
- será que estão a contar anedotas?
- será que é pela Maddie?
- não terão mais nada pra fazer?
ou será a rodinha do xuxu??

sábado, junho 02, 2007

Hoje é dia de Queimadela...

...e esta noite tem o Alto Patrocinio:




Na Cidade do PORTO


É verdade. quase 2 meses depois de acolher uma competição automobilistica de dimensão mundial, o Porto volta a estar na rota dos grandes eventos desportivos. Trata-se, desta feita, de uma etapa da Red Bull Air Race, considerada como o «circuito de Formula 1» dos aviões e que pela 1ª vez se realiza em Portugal, mas que já visitou cidades com, por exemplo, Abu Dahbi, Barcelona, Berlim, S. Petersburgo, Istambul, Budapeste ou S. Francisco. A prova desenrolar-se-á, no dia 1 de Setembro, sobre o rio Douro, numa extensão compreendida entre a ponte D. Luiz e o viaduto de Massarelos. No entanto, com treinos incluidos, o evento, cuja organização conta com a participação da PortoLazer, estará entre nós de 29 de Agosto a 1 de Setembro, sendo provavelmente um dos maiores acontecimentos desportivos de sempre realizados no nosso país. A escolha do local por parte da Red Bull Air RAce teve que ver com a Beleza Natural do cenário entre as duas margens do Douro, considerado mediaticamente bastante atractivo. A segurança constitui a principal preocupação dos organizadores, num acontecimento aeronáutico que terá um impacto fortissimo no turismo da região, cuja capacidade hotleira será esgotada. A prova consiste em contra-relógios individuais que exigem dos pilotos uma pericia extrema, devido às apertadas manobras por entre duas torres insuflaveis com cerca de 20 metros de altura. Os aviões voam a baixa altitude a velocidades que podem atingir os 400 Km/h. O ponto de partida estará situado sob o tabuleiro inferior da Ponte D. Luiz.


Musiquinha para tarde solarenga

sexta-feira, junho 01, 2007